30/12/2016
Culto de Vigília de 1946

O artigo seguinte foi publicado no Boletim Hora da Bíblia, 70 anos atrás, em dezembro de 1946.

O Reverendo W. M. Branham deverá comparecer ao Culto de Vigília

O Oitavo Culto Anual de Vigília da Bendita Hora da Antiga Bíblia começará às 7:30 da noite de 31 de dezembro e continuará até depois da meia-noite. Estes provaram ser grandes cultos no passado e será muito maior este ano. O irmão W. M. Branham e sua família estão planejando estar conosco, e talvez tragam alguns de seus obreiros de Jeffersonville, Indiana. Naturalmente estamos esperando que muitos dos ministros e obreiros desta região estejam conosco nessa noite.

O programa será transmitido pela KBTM, Jonesboro, das 22h30 à 0h30 - duas horas completas de transmissão. Venha estar conosco neste grande culto. Estivemos a ponto de premiar, nos últimos sete cultos de vigília, qualquer um que sentisse sono durante esse tempo.

Diga a seus amigos, e faça seus planos agora para assistir ao Oitavo Culto Anual de Vigília da Bendita Hora da Antiga Bíblia. Traga seus doentes e os que estejam sofrendo, pois o irmão Branham também estará orando pelos enfermos nesse culto essa noite.

CALENDÁRIO DOS CULTOS DE CURA DO IRMÃO BRANHAM

  • 17 a 19 de dezembro: Igreja Pentecostal de Moark, pastor Noel Jones, Moark, Arkansas
  • 20 de dezembro: Igreja Pentecostal na Rua Santo Randall, pastor L.D. Seagraves, Kennett, Missouri
  • 20 de dezembro: Igreja Pentecostal, pastor A.J. Johnson, Cape Girardeau, Missouri
  • 22 a 24 de dezembro: Igreja Batista de Milltown, Milltown, Indiana
  • 26 a 29 de dezembro: Tabernáculo Branham, Jeffersonville, Indiana
  • 31 de dezembro: Tabernáculo da Hora da Bíblia, Jonesboro, Arkansas

Um Homem da Estrada de Ferro de Indiana Escreve:

A quem possa interessar:

Tive tuberculose por muitos anos, causada por um acidente que ocorreu enquanto era empregado de uma empresa ferroviária. Havia sido paciente do sanatório de Rockville, Indiana, mas ainda era muito incomodado pela doença.

Estava visitando alguns parentes em Kentucky, quando comecei a ter várias hemorragias.

Por volta das 4 da manhã chamaram minha família, pois eu estava morrendo. A esposa de um ministro metodista entrou, e muitos outros vizinhos, e fizeram oração por mim. Finalmente comecei a sentir que estava morrendo, e não conseguia mais respirar. Enquanto isso, alguém foi buscar o reverendo Branham, o qual não sabia que eu estava em casa nesse momento. Só consigo me lembrar dele entrando. Então pareceu que eu estava indo através do ar e vi minha mãe que estava morta há cerca de um ano. Eu estava prestes a me encontrar com ela, quando ouvi a voz do irmão Branham. Em poucos momentos eu estava em pé no chão, gritando e louvando a Deus. Desde então não tive mais hemorragias.

Os amigos me disseram que meu pastor e o irmão Branham oraram fervorosamente por mim antes de eu morrer. Minha esposa tinha sido levada para outro quarto, e os vizinhos e meu pastor estavam tentando consolá-la. O irmão Branham estava na sala com a esposa de um ministro metodista e outra irmã. Ele também se virou para sair do quarto, quando de repente, um sentimento estranho lhe sobreveio. Algo pareceu convencê-lo: “Você não prega cura divina?” ele se voltou para olhar para mim outra vez, e o Espírito de Deus veio sobre ele. Ele correu para a cama e se lançou sobre mim, chamando por mim em Nome de Jesus Cristo. Foi então que ouvi sua voz e voltei à vida.

Todos os louvores e glória sejam dados a Deus.

New Albany, Indiana

Envie para um Amigo

Enviar