31/01/2018
Dia dos Jovenzinhos no Escritório do Zimbábue

O escritório do Zimbábue recebeu um grupo local de jovens entre 12 e 15 anos. Abaixo segue o relatório do quanto este dia especial significou para eles.

Um belo dia ensolarado inaugurou o tão aguardado Dia dos Jovens entre 12 e 15 anos, no escritório local da “Gravações a Voz de Deus” do Zimbábue. As pequenas ovelhas se reuniram com os rostos radiantes de empolgação.

Um dos jovens se ofereceu para orar, para iniciar nossa manhã, seguida de alguns hinos e apresentações; cada um se levantou para dizer seu nome completo.

Em seguida, conforme programado, foi o “Jogo da Fita”, através do qual cada equipe tinha um membro que representava um título do sermão que apanharam de um chapéu. Cada equipe tinha que interpretar as ações e dizer o título do sermão que seu membro estava representando ou gesticulando, dentro de um limite de tempo. Foi divertido!

A parte mais importante do dia foi a hora de ouvir a fita. Depois de cantarmos “Somente Crer”, os jovens crentes pararam para ouvir ao sermão: “63-0601 Vem, e Segue-me.” Foi um momento muito abençoado enquanto os pequenos irmãos e irmãs sentados ouviam atentamente a Voz prometida para eles hoje. O irmão Branham orou por todos nós no final daquele culto.

Após a fita, realizamos um questionário em grupo e os ganhadores foram premiados com algumas lembranças da Young Foundations. Comes e bebes foram servidos, o que foi recebido com alegria e prazer! Depois, alguns jogos que foram planejados e muito apreciados do início ao fim.

Ao nos aproximarmos do final, nos reunimos dentro novamente para cantar alguns hinos de Sião, agradecendo a Deus pelo dia maravilhoso e a ocasião tremenda que Ele nos deu! Em seguida, a oração de encerramento, e este foi o triste momento, o da partida para nossos lares.

Certamente foi um dia memorável para o exército dos jovens crentes. Seus olhos resplandeceram com o brilho da energia recebida, principalmente espiritual, pelo fogo reavivado em seus corações!

Agradecemos muito ao irmão José Branham por seu esforço contínuo considerando oportunidades de refúgio para os jovens nesta negra e traiçoeira era de Laodicéia. Agradecemos muito também aos pais, que permitiram seus filhos comparecer e participar deste dia especial.

Que Deus os abençoe!

Envie para um Amigo

Enviar